domingo, 23 de agosto de 2009

Vintage

(minha, minha, minha)

Meninas, vintage é um estilo baseado na recuperação de estilos dos anos 20, 30, 40, 50 e 60, peças de roupa que tenham marcado uma colecção importante ou que definam o estilo dessas épocas. Actualmente também passou a fazer parte dessa contagem, os anos 70 e 80. O vintage nasceu entre as décadas de 60 e 70. Paris, Londres e São Francisco (USA), foram as cidades onde as lojas com roupa deste tipo. Ando entusiasmada com o style e me aventurando de vez em quando. Tem feito sucesso e o pessoal elogia sempre. Não tenho encontrado muito nas lojas habituais, mas se procurarmos em lojas de segunda mão ou roupas que vêm em fardo encontramos por lá maravilhas como as das fotos que coloquei no post (Não façam caras feias porque nesses locais se encontram verdadeirs preciosidades, além de quase nunca corrermos o risco de encontrar alguém que tenha igual). Aconselho a ir a estes locais com tempo para apreciar e é importante provar e ter um pouquinho de imaginação (claro).

É um look que anda fazendo vista na alta costura. As roupas clássicas deste estilo não são muito adequadas a todas as ocasiões. É uma roupa que se escolha quando a situação exige algo mais elegante. As peças de roupa casual, podem utilizar-se em qualquer situação: dia-a-dia, trabalho, praia. É necessário saber escolher a peça e saber combiná-la no resto do conjunto se não quiser parecer vestida para um baile de máscaras heheehe mas, se forem como eu que adora arriscar e petiscar, concerteza vão adorar usar a imaginação. A moda dos anos 60 foi muito criativa e tem peças adequadas para qualquer tipo físico. O estilo hippie chique foi muito comum dos anos 60.
Ah... Não se esqueçam de usar e abusar das extensões ou mexas longas e lisas, franjas, cabelo natural bem afro armados com muita laca, ou embaraçados com muito volume. Usem tambem maquilhagem e acessorios em tons ouro e prata.

Ousem!

(meu, meu, meu)

2 comentários:

X!mb!t@nE disse...

Minha linda, infelizmente por ca nao ha lojas de segunda mao, ha que ir ao inclina (dumba-nengue) mesmo, hheheheheee.

Ademais, muitos dos produtos oferecidos por esse tipo de mercado anda com tendencia a rivalizar com os preços das lojas - lojas. Mas que se encontram peças unicas e exclusivas, nao restam duvidas!!!

Avid disse...

Existem as lojas da ADPP e eh nas viagens ao inclina que se encontram essas raridades eheheh...aconselho a ir em grupo, mas vale a pena.
Bjs meus